O Efeito Sombra

capa_EFEITOSOMBRA_alta-765x1024

Vivemos em um mundo onde fomos condicionados a temer o lado obscuro da vida. Fazemos a separação entra o bem e o mal e rotulamos indivíduos com suas características boas ou ruins.

Não aceitamos a inveja, raiva, rancor, mágoa, medo, insegurança, etc., porém, todas essas coisas fazem parte de nós. O pecado nasce com o homem e todos possuem o bem e o mal.

A sombra é tudo aquilo que não queremos ser, mas somos. É todo sentimento que temos, mas queremos esconder. São sentimentos, emoções e traumas adquiridos desde a nossa infância. Passamos a vida tentando fugir e/ou ignorar este nosso lado sombrio, obscuro. Mas quanto mais fugimos, mais forte ele fica. Quanto mais negamos ser quem somos, mais tristes e frustrados ficamos. Somos vitimados pelo efeito sombra quando permitimos que a escuridão controle nossa vida e se apodere da nossa consciência nos punindo e fazendo com que nos sintamos indignos.

Mantemos a sombra inconsciente, pois é mais fácil do que lidar com o incômodo que ela causa. Porém, o preço de mantê-la nessa inconsciência é muito alto. Corremos o risco de jamais nos aceitarmos verdadeiramente e ficarmos privados de felicidade e plenitude. Ela precisa ser vista de frente, aceita e abraçada como parte do nosso “eu”. Desse modo, perde o controle e poder.

Ao olhar para a escuridão em nosso âmago, encontramos forças para vencê-la. Não há como conhecer a força, sem antes termos vivenciado a fraqueza. O mesmo ocorre com a alegria x tristeza, amor x ódio, etc.
Quando olhamos para dentro de nós e reconhecemos nossos valores, virtudes, falhas, erros, medos, saberemos olhar para o outro com menos julgamento e mais ternura, pois sabemos que ninguém é perfeito e todos têm seu lado obscuro.

Em Marcos 12: 31, na Bíblia Sagrada, diz o seguinte:

“Amarás o teu próximo como a ti mesmo”.

Costumamos dar mais ênfase na palavra “próximo”. O amor e a compaixão são emoções que fluem de dentro pra fora e esquecemo-nos de dá-las a nós mesmos.

A prática do amor próprio e da autocompaixão deve ser constante. Em conseqüência conseguiremos liberar perdão a nós mesmos e àqueles que nos rodeiam.

Texto inspirado no livro: O Efeito Sombra – Encontre o Poder Escondido na Sua Verdade.
Anúncios

10 comentários sobre “O Efeito Sombra

  1. Pingback: O Efeito Sombra – CADERNO DA LUA

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s